Estrutura de caráter

 

… Segundo a tradição médica chinesa, a interpretação distorcida das experiências de vida gerada pelos traumas e conflitos inerentes à existência no mundo da dualidade acaba configurando uma auto-imagem fictícia- uma “estrutura de caráter” – que oblitera a espontaneidade funcional do Zang Fu e inaugura o processo do adoecimento. Por esses descaminhos, a agressividade criativa do Fígado transforma-se em ira, o entusiasmo amoroso do Coração em euforia, a reflexão espontânea do Baço em obsessão, a tristeza reverente do Pulmão torna-se mágoa e,
a precaução sábia dos Rins vira medo paralisante. …

por J. Cançado, em O Uno e o Múltiplo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: