Arthur Clarke – Um dos “Big three” da Ficção Científica

Hoje sou o próprio Marvin

Esse homem, para mim, foi o pai intelectual que eu procurava. Ele mesclava sensibilidade, capacidade investigativa, e sagacidade, necessárias para divulgar ao grande público suas idéias avançadas com estilo. Ficção Científica, um nome bem apropriado para divulgar premonições. Arthur confessava que a imaginação tomava conta dele.

O homem que nos obrigava a olhar para o amanhã e não fugir dele
Desprovido de soberba, não estamos sós no universo e não devemos temer o contato com quem chegar até nós, segundo Clarke, se fossem tão maus como nós, ou talvez piores, há muitas eras já se teriam destruído e as suas civilizações.Ouviremos mais sobre ele, o elevador espacial já é uma possibilidade considerada na comunidade científica.

Adeus e obrigado por pintar um quadro melhor para todos nós, um quadro que não é povoado só de guerra, bang-bang e crueldades desnecessárias.
____________________________

Abaixo uma matéria que reproduz noções de sua genealidade – Ilustração ao lado é de Ronaldo L. Teixeira

Elevador espacial – É sério: Nasa planeja trocar a força de foguetes por cabos ligados a asteroides. Se você tem medo de elevador, vai se apavorar com este: a distância entre o térreo e o primeiro andar é de 36.000 km. Inspirado no livro As Fontes do Paraíso, do escritor Arthur Clarke, o elevador espacial é um projeto que pode ser realizado nas próximas décadas se for levado a sério (veja ilustração ao lado). ‘Não é mais ficção científica’, diz David Smitherman, engenheiro do Laboratório Marshall de Projetos Avançados da Nasa. ‘Podemos tê-lo em operação na segunda metade do século.’O seu principal trunfo é a economia, pois o elevador poderá aposentar os caros foguetes tripulados usados até agora. O estudo de Smitherman mostrou que, uma vez pronto, seriam gastos US$ 150 por passageiro levado à estação orbital. Nos ônibus espaciais, esse custo por pessoa é de US$ 2 milhões.É claro que a construção exigirá somas igualmente astronômicas e décadas de pesquisa. O elevador espacial necessita de um cabo 100 vezes mais resistente que os feitos de aço. Para isso, a Nasa já pesquisa um material composto de nanotubos de carbono – fibras microscópicas, dispostas de forma a garantir extrema resistência. Será preciso também uma base na Terra com 50 km de altura. O Brasil tem chances até de ser ‘zelador’ da torre. Ela terá de ficar perto da linha do Equador – excluindo hospedeiros como EUA, países da Europa e Japão.Para quem acha que não passa de delírio, vale conferir a declaração do escritor Arthur Clarke: ‘O elevador espacial ficará pronto 50 anos depois que as pessoas pararem de rir dessa idéia’. Alguém duvida?

Desafio triplo – O projeto do elevador espacial tem três grandes problemas pela frente. O primeiro é desenvolver a propulsão eletromagnética para mover o veículo pelo cabo a velocidades de 2.000 km/h, carregando dezenas de passageiros e toneladas de carga. O segundo desafio é construir uma torre de 50 km de altura, de onde deverá partir o elevador, necessária para dar estabilidade ao sistema. Em comparação, a maior construção existente na atualidade é a CN Tower, de Toronto (Canadá), que tem cerca de um centésimo dessa altura, com 553 metros. E o terceiro é arrumar onde ‘ancorar’ o cabo do elevador no espaço. Isso significa capturar um asteróide ou construir uma estação a exatos 35.786 km da superfície – a altitude da órbita geoestacionária, onde os objetos se movem na mesma velocidade de rotação do planeta, ficando portanto ‘parados’ sobre um mesmo ponto na Terra.

Para ler*
As Fontes do Paraíso, Arthur C. Clarke. Nova Fronteira. RJ. 1979

Fonte > Galileu
____________________________
Leia mais sobre esse autor em:
SCI-Fi: Arthur C. Clarke
Daniel Piza

Anúncios

Uma resposta

  1. […] Arthur Clarke – Um dos "Big three" da Ficção Científica […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: