BIOS – Construção e Desconstrução

Em meus primeiros passos para utilizar o computador (PC), não conhecia a nova tecnologia e seu vocabulário, mas adorava a idéia de maior flexibilidade na informação.

O computador era um Pentium 133, o windows original era o 95, mas usávamos o 98 e… ele trancava! Na época eu não tinha conhecimento suficiente para identificar se era software, hardware, rede, ou abuso da máquina, portanto chamava o técnico. Diante de meu esforços em clarear o problema (trancou quando e como), ele esclarecia: — Parece BIOS!

Caso, ainda exista algum leigo visitando esse espaço chamado Kuinzytao, traduzo: B= bixo; I= ignorante; O= operando; S= sistema.

Construção e Desconstrução
Nas relações profissionais, não é raro se  sentir assim, um estúpido. A tendência normal nessa circunstância é tornar-se explicativo, o que transforma o sujeito em um inoportuno, tal qual a minha relação com o técnico.

Um modo antigo, utilizado para descontruir uma pessoa é não dar a ela tempo de reflexão sobre o trabalho que executa. Não sendo máquina, nesse ritmo, ela vai errar, no caso, essa é a intenção. Ponto para quem joga, e não é a pessoa em desconstrução, essa foi reduzida a condição de quem recebe a tacada. Vamos então, ao jogador. Continue lendo

Anúncios

Cosmologia, uma lenda divulgada por indígenas

Os índios, contam, que uma pessoa é uma fagulha de luz (que é 3),
captada na relação homem/mulher;
e que a cada 3 meses essa fagulha atrai outra fagulha
(que também é 3) e se une a essa;
que ambas, em 3 meses atrairão outra (que também é 3);
repetir-se-á mais uma vez essa atuação. Sendo que nesse instante,
não poderá mais ser contida pelo corpo da mulher, caindo na terra. Continue lendo

Branco – Energia/Cor

Cores que representam Ar – Branco / Azul / Rosa
Branco

Composição: A luz! Representação: – O Passado! O que leva o branco em direção ao movimento: – A originalidade. O humanitarismo. O bem para todos. A transparência nas ações. A pureza. É a cor imaculada.Ama universalmente de forma protetora. A amor a liberdade de todos, não só relacionado a família. É o doador.

Atuando em seu aspecto descendente (negativo)
– Tirania, excentricidade, fanatismo, libertinagem, revolta, perversidade, impaciência, doa esperando reconhecimento.

Uma expressão verbal do Branco: É seu!

Azul – Energia/Cor

Energia que racionaliza, que pergunta, que pesquisa, que busca a lógica sobre os outros temperamentos.
É o elevado, o científico, a razão, o intelecto, a administração dos pensamentos, a boa memória; aptidão para expressar-se pela palavra e pela escrita, apto sempre a adquirir conhecimento pela razão.
O azul recompõe as baterias energéticas, pois o ar está em todas as células do corpo. Na parada necessária após um exercício forte, percebe-se os mecanismos do corpo todo em direção à oxigenação, assim é o retorno à tranqüilidade, ao equilíbrio e à estabilidade.


Isso se dá em termos físicos, mentais e emocionais. Quando se chega correndo e se quer falar, uma máxima antiga é válida: “Respire! Antes de falar, respire!”, e de preferência profundamente.
De forma semelhante após uma empreitada que absorveu muita energia, para retomar as rédeas da vida (ou do projeto) é preciso parar, refletir, reorganizar as idéias, observar. É uma forma de se orientar no ambiente e nas condições disponíveis.
Aquieta-se o corpo físico para dar prioridade à oxigenação, e com ela adquirir clareza mental e emocional.

Ao formular teorias desenvolve a capacidade de projetar-se para antever possíveis caminhos.
O azul desloca-se de seu universo, a outros universos para aprender, adquirir conhecimento e retorna distribuindo o conhecimento adquirido, desloca-se novamente expande-se em compreensão e novamente distribui. Diz-se que o azul assemelha-se ao planeta Elno que não mantém um trajeto idêntico aos outros planetas e em sua trajetória a outros universos traz consigo força para empurrar os outros planetas em direção a um estágio superior, tirando esses de seu trajeto regular.

Seu aspecto descendente:
– Presunçoso, esperto, desumano, ateu, negligente, sem princípios, indeciso e nervoso; nunca aprofunda realmente uma teoria, pois não está em busca de soluções e sim quer provar que está certo.

Uma expressão verbal do Azul
: Será que tenho condições de ter?

Rosa – Energia/Cor

Infantil
– A inocência. O brincar. A alegria límpida e pura. O prazer. O deleite. Atento a tudo que o circunda.
O amor da criança. Apenas ama, sem motivos, sem limites.
Brinca de imitar, faz de conta. Quando se aborrece, não brinca mais.
Testa os limites o tempo todo; obedece por amor e por medo;
Paralisa: por impotência frente a algo que, a seus olhos, é imenso, assustador.
Observação:
É a cor predominante em todos até 12 anos.

Adulto
– O Rosa adulto torna-se Magenta, a energia que traz em si uma profunda compreensão, capaz de dons como “perdão”.
Afetuosidade, doçura, dedicação, reverência e gratidão. Continue lendo

Dourado – Energia/Cor

Cores que representam o fogo – Dourado / Preto / Vermelho

Dourado

Representado pelo Sol.
É o presente, o tempo conhecido, a ação conhecida.
Vontade, força vital, individualidade, autoridade, coragem, maestria, responsabilidade, dignidade, generosidade, doçura, delicadeza, refinamento, o gosto pelo esmero e bom trato.
É também, quem aponta caminhos, a ponta da flecha, segue a frente como a própria iluminação. Continue lendo

Preto – Energia/Cor

É a primeira na ordem de nascimento de energias. Pai de todas as energias. É o futuro, pois ele é desconhecido. Imediatista, a energia que materializa, o sugar para si (obter bens). Criativo, tudo nasce do preto. É quem lida com o dinheiro. Protetor, equilibrado. Em geral misterioso, calado, cativante e magnético. Continue lendo